A cara da Libertadores

Santiago Silva, vulgo El Tanque, ao fazer o gol da vitória do Boca Juniors sobre o Unión Española em La Bombonera - Foto: Reprodução de TV

Santiago Silva, vulgo El Tanque, ao fazer o gol da vitória do Boca Juniors sobre o Unión Española em La Bombonera – Foto: Reprodução de TV

Ele passou no Brasil e virou motivo de piada pelo futebolzinho apresentado pelo Corinthians. Qualidade técnica à parte, a comemoração de Santiago Silva no segundo gol do Boca Juniors sobre o Unión Española, em La Bombonera, foi sensacional. O gol saiu no finzinho e decretou a apertada vitória no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Por tudo, a festa foi espetacular, digna de Libertadores. A cara da Libertadores.

Santiago Silva, vulgo El Tanque, ao fazer o gol da vitória do Boca Juniors sobre o Unión Española em La Bombonera - Foto: Reprodução de TV, Arte/Ricardo Zanei

Santiago Silva, vulgo El Tanque, ao fazer o gol da vitória do Boca Juniors sobre o Unión Española em La Bombonera – Foto: Reprodução de TV, Arte/Ricardo Zanei


1 comentário

Arquivado em Futebol

Uma resposta para “A cara da Libertadores

  1. Pingback: Pequeno manual prático para ganhar – ou perder – do Boca Juniors | Blog do Zanei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s