Luís Fabiano, maior que Raí

Luís Fabiano - Foto: Wagner Carmo/Vipcomm, Arte/Ricardo Zanei

Luís Fabiano - Foto: Wagner Carmo/Vipcomm, Arte/Ricardo Zanei

Para quem nasceu no fim dos anos 80 ou nos anos 90, Raí é um nome especial. Se você não é são-paulino, ou você o odeia ou acha que ele não jogou nada. Se você é são-paulino, ele é um gênio. Pra mim, é o maior ídolo do clube. Maior até que Rogério Ceni. E não é que, contra o frágil Independente, Luís Fabiano se tornou maior que Raí? Quem diria!

Claro que o título desse post tem uma pegadinha e, obviamente, por mais que a torcida idolatre Luís Fabiano, o papel de Raí na história tricolor é inegavelmente maior que o do atacante. Mas, ao fazer o segundo na goleada na Copa do Brasil, o camisa 9 chegou aos 128 gols, superando o eterno camisa 10 na lista de maiores artilheiros do São Paulo.

Luís Fabiano - Foto: Wagner Carmo/Vipcomm, Arte/Zanei

Luís Fabiano - Foto: Wagner Carmo/Vipcomm, Arte/Zanei

Luis Fabiano fez quatro no jogo no Morumbi e agora soma 131 gols. É o nono maior artilheiro do clube do Morumbi e não será nenhuma surpresa que ele termine o ano na sétima posição. Maurinho, o oitavo, tem 136 gols. Leônidas, sim, Leônidas da Silva, imortal atacante da história do futebol brasileiro, contabiliza 144. Ou seja, Luís Fabiano está a 13 gols de Leônidas.

Curioso que, lendo aqui e ali, percebi que o fato passou desapercebido, mesmo sendo citado na transmissão do SporTV. Tudo bem que Raí não era um camisa 9 e nem tinha a função de matador, mas superar o número de gols de um cara que maior época em um fase das mais vitoriosas de um time no futebol nacional é um feito, no mínimo, memorável.

Ainda acha que é pouco? Dos 20 maiores artilheiros do São Paulo, Luís Fabiano tem a melhor média de gols: 0,735 (131 gols em 178 jogos). Mais: detém a quinta melhor média da história, atrás apenas de Waldemar de Brito (1,08), Friedenreich (0,83), Zezinho (0,80) e Friaça (0,74). Nada mal, hein?

Luís Fabiano pode não ser um gênio da bola e está longe de aparecer na lista dos melhores atacantes da história, do século, quem sabe, até, da década. Mas ele sabe muito bem como fazer gols e, pouco a pouco, vai escrevendo seu nome na história tricolor. Se ganhar um titulozinho aqui e outro ali, então, nem se fala… Independentemente disso, o grito Lu-ís-Fa-bi-a-no já está eternizado.

Luís Fabiano 4 x 0 Independente (PA)

P.S.: Os dados desse post foram retirados do site oficial do São Paulo e atualizados com os gols e jogos de Luís Fabiano na temporada 2012.

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s